"A Quarentena", o livro gratuito de dom Julio no e-book






Uma das palavras mais citadas e faladas nos meios de comunicação é “quarentena”. Pensamos logo no número quarenta, quaresma, quarenta dias em penitência aos que seguem este tempo de conversão espiritual. Quarentena é o título do livro E-Book lançado esta semana por dom Julio Endi Akamine no aplicativo e site Google-Play e outros que fazem parte da Bibliomundi, um canal específico para hospedar e-books, com sede na Europa e no Brasil. A proposta do livro digital do arcebispo de Sorocaba é proporcionar às pessoas uma atividade a mais neste tempo de ficar em casa. Há muita gente que passa o dia vendo televisão, ouvindo músicas, limpando jardim e outras ações para preencher o dia. Um tempo de leitura de livros, de meditar as passagens bíblicas de cada dia e buscar na fé, a certeza da esperança. Pensando nisso, dom Julio Akamine reuniu trinta artigos de sua autoria e mais dois de colaboradores e criou o e-book “ A Quarentena”. Uma leitura gostosa e gratuita para quem deseja passar algumas horas recordando as suas palavras divulgadas em postagens na imprensa. Cada tema é uma verdadeira aula de sabedoria e meditação. Gosto muito quando ele conta em uma delas a sua homenagem ao seu pai. A também neste tempo de Covid-19, uma reflexão inserida como prefácio do livro “A Quarentena”. A começar da capa do e-book com a imagem de Maria com o Menino Jesus abraçando o seu rosto, podemos sentir o afeto e o carinho contido na publicação. Uma oração à Virgem Maria com súplicas para a proteção às nossas necessidades e perigos, sintetiza bem este momento em que passamos em quarentena domiciliar.
Para acessar esse e-book é muito fácil e pode ser visualizado o link na página de dom Julio na sua página do facebook ou no site da arquidiocese de Sorocaba. Também neste tempo de quarentena, dom Julio celebra missa diariamente de segunda a sexta-feira às 20 horas, podendo ser acessada na sua página da rede social. É o esforço de cada pessoa para amenizar e levar paz aos corações e sentimentos, muitas vezes vivenciados em insegurança, medo ou depressão.
Fiquemos em casa em boa companhia, lendo este livro.

Vanderlei Testa jornalista e publicitário escreve aos sábados no www.facebook.com/artigosdovanderleitesta e www.blogvanderleitesta.com e www.jornalipanema.com.br/opinioes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O amigo e professor Theodoro na paz eterna

Um hino de amor ao Vagner e a Conceição

Uma poesia à Clarinha. Voa como o bem-te-vi