Sorocaba, aniversário a gosto do povo nas ruas


 

Parece um trocadilho afirmar aniversário a gosto do povo. O mês de agosto que não fazia parte do calendário romano e foi inserido pelo imperador Augustus em honra ao seu nome, traz no dia 15 a festa maior de Sorocaba. Foi nesse dia, diz a história, que Baltazar Fernandes decidiu dar o “ponta pé” inicial do jogo que já permanece há 367 anos numa partida que nunca terminará. Neste dia 15, festa da padroeira Nossa Senhora da Ponte, teremos a missa a ser presidida por Dom Julio Endi Akamine, na Catedral Metropolitana. Um ato litúrgico que louva e agradece a Mãe de Jesus por sua proteção e intercessão à cidade. Também neste domingo festivo, haverá na mesma catedral o seu tradicional almoço parmegiana em prol das obras assistenciais da paróquia matriz. Desta vez, devido à pandemia, somente entrega das marmitex no prédio da Ação Católica.

Já no Paço municipal, uma demonstração de balonismo e atividades com a participação da população homenageia a centenária Sorocaba. Tudo a gosto do povo. Tenho lido nos últimos dias muitas referências à cidade tropeira e operária, industrializada na década do novo século 21. O que era feiras de muares com os animais servindo como base da economia sorocabana, hoje são cavalos de força nos motores de empresas automobilísticas, como a Toyota, japonesa que veio proporcionar empregos e tecnologia na terra do Baltazar. E nas ciclovias, a largada da Ponte de Pinheiros às 9h para os ciclistas partirem até o Parque das Águas para comemorarem pedalando o Passeio Ciclístico dos 367 anos. E lá no Parque Tecnológico, das 11h às 14h a Exposição de Carros Antigos e Barracas de Gastronomia.

Domingo, dia 15 de agosto também é o dia do bolo, dos parabéns a você das 11h às 14h na Praça Laudelino Amaral, em ação promovida pela Prefeitura Municipal. Atrações como o ônibus Rosa e Azul, Trailer Odontologia, Aferição de Pressão Arterial e Glicemia, Entrega de Cestas Básicas, Música e distribuição do Bolo dos 367 anos certamente atrairá o povo. Nas redes sociais a divulgação dessa programação teve também reclamação. A Alexandra Garcia citou que o seu bairro do Éden é esquecido nas comemorações. E a Denise Antunes, questionando onde fica essa praça desconhecida da população.

Mas entre as alegrias do mês de agosto relembro do aniversário do meu pai Ernesto e dos momentos com o seu pássaro preto nas mãos. O Dia dos Pais em agosto tocou os corações de filhos e pais.  Leitores desta coluna semanal, como a Maria Inês Ferraz, Yule Grisoto, Darci Zambom, Reinaldo Beserra dos Reis, dona Irene Martinez Cristofani, com 89 anos, mãe da amiga Margarete Cristofani, aniversariou no dia 4 com bolo e presença das filhas e familiares. Uma mãezona que continua a cada dia manifestar entre nós a sua vitalidade, amor e presença alegre pelo dom da vida. Lembrando também do Vicente Panebianchi que completou dia 13 de agosto os seus 80 anos de idade com a filha Sandra e família. E a Leda, jogadora de basquete na minha juventude, celebrando nova idade com o marido Toninho. Vera Pagliato começou agosto celebrando sua vida junto aos filhos e como mulher vitoriosa e dedicada às causas sociais da cidade representa todos os aniversariantes e a cidade de Sorocaba.

Sorocaba, aniversário a gosto do povo sorocabano merece os parabéns e as bênçãos de Nossa Senhora da Ponte.

 

Vanderlei Testa jornalista e publicitário escreve aos sábados no www.jornalipanema.com.br. Contato: artigovanderleitesta@gmail.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Renata e Seide, duas perdas irreparáveis

Vá em paz, Bottesi !

Médico Fernando de Barros Oliveira, 50 anos de missão