Festeiros do Divino em Sorocaba

 

Festeiros do Divino em Sorocaba


As paróquias da arquidiocese de Sorocaba promovem neste dia 5 de junho a sua festa do Divino, registrando na liturgia do Dia de Pentecostes a sua manifestação de fé na Pessoa do Espírito Santo. Os sete dons do Espírito são reverenciados na bandeira do Divino que acompanha os festeiros em suas visitas às casas e comércio. No bairro do Jardim Saira há mais de 20 anos acontece à festa com a participação dos moradores e sacerdote da igreja matriz de NS Medianeira, atualmente o padre Washington Ribeiro. Acompanho esse tradicional evento católico desde a sua primeira solenidade no antigo salão comunitário que ficava na Alameda Itanhaém. Ao relembrar essa data e  estar como um dos bandeireiros no domingo de Pentecostes, assistindo o descerramento da bandeira, no mastro da igreja localizada na Praça dos Sorocabanos, certamente verei a emoção dos membros da comunidade. Durante o dia estão programadas quatro missas. Às 7h, 9h30,15h e 19h.  Às 8h haverá carreata com as imagens das comunidades de São João Batista, São Judas Tadeu, São Tiago, NS Medianeira, NS de Lourdes e Divino Espírito Santo. Já às 20 horas, o povo fará uma procissão luminosa pelas ruas do jardim Saira.

Na liturgia diária, este Dia de Pentecostes destaca o dom do Espírito Santo, como um sopro renovador. É uma força criadora e renovadora de todas às coisas. Sempre vivo em nosso íntimo, é a comunicação que o próprio Deus estabelece conosco. Padre Nilo Luz diz que “sem ele, a Igreja e cada seguidor do Mestre não teriam o vigor que os impele à busca de novos horizontes”. Dom Julio Endi Akamine, arcebispo metropolitano de Sorocaba, relata que “no recolhimento, o Espírito Santo confere à alma uma maior profundidade, permitindo-lhe tomar consciência da misteriosa riqueza concedida pela inabilitação das três divinas”. Um dos dons, o da Fortaleza, segundo o papa Francisco, “o Espírito Santo liberta o terreno do nosso coração, liberta-o do torpor, das incertezas e de todos os temores que podem detê-lo, de modo que a Palavra do Senhor seja posta em prática de forma autêntica e jubilosa”. Durante nove dias houve a novena do Divino nas comunidades do Brasil, como no Santuário Nacional de Aparecida e, em Sorocaba e demais cidades.

Dom Julio Akamine celebrará missa de Pentecostes no dia 5, às 12 horas na Catedral Metropolitana NS da Ponte.

 

Arte: VT

Vanderlei Testa (artigovanderleitesta@gmail.com) Jornalista e Publicitário escreve no portal jornal Ipanema.

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lucas Lolata vence desafio

Gilson Delgado atuou com foco no ser humano

Gratidão de dom Julio ao padre Jesus Flores